sábado, 12 de janeiro de 2013

O PESO IDEAL





O PESO IDEAL


http://emdiacomabalanca.wordpress.com/tag/alimentos/
O tão sonhado peso ideal é fruto, claro, de uma alimentação balanceada. Eu, pelo menos, não conheço quem tenha alcançado um belo corpo comendo hambúrguer e batata frita. A alimentação saudável, porém, pode render bem mais que um corpaço. Na verdade ela rende unhas, pele e cabelos mais bonitos também.
Isso porque a comida usada nas reeducações alimentares, geralmente, são naturais, ou seja, legumes, verduras e frutas que nutrem da maneira ideal o organismo. Mais que poucas calorias, esses alimentos têm alto valor nutricional, o que acaba resultando em cabelos e unhas mais fortes e pele menos oleosa e com menos acne.
Alimentos como cenoura, tomate, frutas, abóbora, carnes e peixes magros, mamão e pimentão são comuns em dietas e, além de terem poucas calorias, contêm zinco, vitamina C, vitamina A e E, ótimos contra acne.
Outro exemplo são os vegetais verde escuros, frutas em geral e a semente de linhaça, ricos em ferro, cálcio, zinco e ácido linoléico, excelentes para unhas fracas. Achou pouco? Se o problema for queda de cabelos e opacidade os alimentos mais indicados são aveia, salsa, legumes em geral, carnes vermelhas, peixes e aves magras, que têm proteínas, biotina, vitamina D, cobre, zinco, cálcio, ácido pantotênico, magnésio e ferro.
O terror da mulherada, as celulites, também são beneficiadas com os alimentos escolhidos na dieta. Azeite de oliva, algas marinhas, soja, aveia, peixes de água fria e frutas cítricas ajudam a combatê-las, já que são ricos em iodo, selênio, ômega 3, vitamina C, isoflavonas e clorofila.

Apostar em três porções diárias de frutas e duas de vegetais é outra importante decisão. Além de serem ricos em vitaminas, minerais e fibras, são boas opções para manter o pique: seus nutrientes ajudam a regular os hormônios e a manter o sistema imunológico em ordem.




Foto: gettyimages
Saber escolher o que vai no prato talvez seja a decisão mais importante para o sucesso da dieta, assim como saber fazer trocas inteligentes. O pão francês, preferência de muitas pessoas para o café da manhã, por exemplo, pode ser substituído pela torrada integral light, que tem menos de um terço das calorias do pão (143 contra 40, em média).
E não são apenas calorias que podem ser substituídas. Alguns alimentos são melhor aproveitados pelo organismo. A proteína encontrada na soja é um bom exemplo. Ela substitui a animal (das carnes), tem menos gordura e ainda oferece isoflavona, que ajuda a combater a obesidade, pois acelera o metabolismo e diminui a gordura no fígado.
Nosso corpo é como uma máquina que, para funcionar perfeitamente, necessita de carboidratos, proteínas, vitaminas e gorduras. Sim, precisamos de gorduras, mas gorduras do bem, não as da picanha, ok? Nesse caso, o ideal são os azeites e as encontradas nas castanhas e nas nozes, fontes de gorduras saudáveis e de antioxidantes que retardam o envelhecimento e protegem o coração. Mas, atenção: elas são calóricas. Por isso o ideal é consumir apenas duas unidades por dia, de preferência substituindo o lanche da manhã ou da tarde.


Na batalha a favor da saúde e da beleza alguns alimentos saem na frente. Ricos em Ômega 3 e vitaminas, se aliados a uma rotina de exercícios, fazem milagres. Confira:
- Abacate:
De vilão para mocinho. Antes banido das dietas por ser rico em gorduras, a fruta hoje é considerada uma aliada da beleza e do bem-estar. O abacate tem efeito anti-inflamatório para as células e é rico em vitaminas A e E. Além disso, pasmem, ajuda no combate da acne e da celulite. Como é bastante calórico, deve ser consumido em quantidades pequenas, porém diárias: quatro colheres de sopa são suficientes.
- Ovo:
Ele também já fez parte dos “proibidos”, mas dado a seus nutrientes e vitaminas, passou para a lista dos liberados (com moderação, como tudo). Rico em vitaminas A e E, tem funções antioxidantes, além de aminoácidos que ajudam na formação das fibras musculares, colágenas e elásticas. A albumina forma massa magra e proporciona saciedade. Diferentemente do que se acreditava, o ovo, ao invés de aumentar o colesterol ruim, o diminui. Pode ser consumido diariamente (não frito, claro!).
- Couve:
Além de ser um poderoso desintoxicante, a verdura é rica em magnésio e cálcio, substâncias que, juntas, ajudam a livrar o corpo do acúmulo de gordura, mantém normal o nível da pressão arterial e controlam os movimentos dos músculos.
- Sardinha:
Esse peixe é barato e tem benefícios importantes. Fonte de ômega 3, ele ajuda na regeneração celular do organismo e ameniza o estresse e o mau humor. O ômega 3 é encontrado também em outros peixes, como a cavala, o salmão e o atum.
- Gengibre:
Termogênico, o gengibre é anti-inflamatório e ajuda na perda de gordura e no tratamento de celulite. Além disso, previne a queda de cabelos, minimiza olheiras e melhora o sono. Por ser termogênico, acelera o metabolismo e ajuda no emagrecimento.

Sem comentários:

Enviar um comentário